Marine Pereira- Bratislava

   No 1º semestre do 3º ano da licenciatura decidi, a medo, ir para um local que me era completamente desconhecido, onde nada me era familiar, mas que em tão pouco tempo, fez-me perceber que tudo aquilo que vale a pena nunca é alcançado na nossa área de conforto, e por isso, terei eternamente saudades das experiências e da sensação inexplicável de “pertencer ao mundo”. 

   A cidade que escolhi para esta aventura foi Bratislava, capital da Eslováquia! Decidi abraçar esta experiência com uma amiga de turma, sendo que para mim, estudar fora do meu país, seria o meu maior desafio! Sair da minha zona de conforto, e viver longe de quem amo, era o que mais me assustava! Mas ir de Erasmus foi, sem dúvida, aquilo que me definiu enquanto pessoa, foi superar-me, foi aprender com os outros, e foi saber desenrascar-me em qualquer situação! Ser erasmus é conheceres pessoas completamente diferentes, é arriscar, é divertir e é sobretudo, descobrir.

   Bratislava foi uma cidade que me surpreendeu imenso, que me fez sentir em casa e que, por muitas cidades que tenha visitado enquanto lá estive, me fez sentir que fiz a escolha certa! Diria que o mais difícil desses 4 meses foi mesmo início, a chegada a cidade, e a sensação de não pertencer a aquele local. Mas é muito normal que a 1ª semana seja assim, sendo que, tudo isso muda muito rapidamente quando conhecemos todos os outros estudantes, todos os portugueses, a universidade, a cidade… tudo é novo nas primeiras semanas, mas tudo acaba por te fazer sentir que pertences realmente a aquela cidade! 

   Por isso, nunca penses que integrar-te vai ser o mais difícil, e mesmo que estudar noutro país seja o teu maior desafio, aconselho vivamente a desafiares-te porque será uma experiência inesquecível, e por muito que pareça clichê, acredita, erasmus será mesmo uma das melhores aventuras da tua vida!